Instagram

banner image

JWEB - OTONOHA - VOL. 172


Yey!  Demorou mas saiu! 🙌

Mais um mês e mais um Otonoha. Desta vez, Sho divide as suas aventuras gastronômicas na Coréia durante os jogos olímpicos de PyeongChang daquela forma divertida que a gente já conhece, né? 😄

Então, vem conferir a tradução do mês, com direito a notas de tradução! Porque como a gente sempre brinca, "JStorm Station também é cultura!" 😉 
Douzo! ❤



Nota de Trad.: Miso soup, ou ainda Missoshiro, é a famosa sopa japonesa de pasta de soja fermentada 😋 e muito comum na Coréia também.




Nota de Trad.: Shochu é uma bebida destilada de graduação alcoólica que varia entre 25% a 35% - maior que o sake, que tem 15% aproximadamente - e pode ser feita não somente de arroz, como também de batata doce ou ainda de cevada.



Nota de Trad.: 
Sobre os pratos que Sho menciona: 
1. Naengmyeon é uma sopa fria tradicional no país, composta de um macarrão longo e fino feito a base de farinha de trigo-mourisco (ou araruta) e batata. Pode ser servido de duas formas diferentes: com caldo de carne bovina frio, fatias de carne cozida e pepino ou também, com fatias de pera coreana e ovo cozido temperado com vinagre e açúcar; 
2. Yakiniku é o famoso "churrasquinho à moda coreana", muito popular no Japão também, onde você mesmo prepara a carne em grelhas dispostas na própria mesa;   
3. Bulgogi é um prato bem popular na Coréia, feito com carne marinada em molho de soja , alho picado e semente de gergelim, grelhada e servida com verduras; 
4Togan é um legume um pouco incomum: parece um melão de casca grossa, de sabor suave, lembrando o chuchu. Também é consumido pelos japoneses, geralmente em sopas ou mesmo cozido; 
5. Dak-galbi é outro prato bem popular na Coréia e consiste basicamente de frango com legumes fritos e temperados com um molho apimentado. 
6. Aqui temos a tradução do que seria um Teishoku - que é como está no post original em japonês citado por Sho. A grosso modo, podemos comparar o teishoku ao nosso "prato feito": é uma refeição completa, que consiste geralmente de arroz branco, missoshiro, algum tipo tsukemono (conserva japonesa) e acompanhamentos que podem variar entre peixe, carne, frango ou qualquer outro prato. No caso, Sho usou o termo para exemplificar e facilitar a compreensão. 😉



Nota de Trad.: 
1. O kimchi talvez seja a comida coreana mais conhecida: Consiste em vegetais - a versão mais conhecida é feita com acelga - colocados em salmoura com pasta de farinha de arroz, açúcar e vários temperos e deixados para fermentar. O resultado é um condimento temperado super saboroso - e geralmente apimentado - que pode ser consumido sozinho ou como acompanhamento em outros pratos; 
2. Esta é uma curiosidade à parte.... Momento "JStorm Station também é cultura"! 
No post original, Sho usou a palavra "zukō[ずこー]  onde está o "Facepalm", que seria uma "onomatopéia" (?) para ilustrar aqueles tombos que os personagens de mangá/anime levam propositalmente - aposto que muitos já devem ter visto - em alguma situação embaraçosa alheia.  



Fonte e Crédito Original das Imagens: Johnny's Web em Inglês. 
Original em Japonês para consulta: Tsubame's blog
Edição e Tradução: JStorm Station
JWEB - OTONOHA - VOL. 172 JWEB - OTONOHA - VOL. 172 Reviewed by Tathy Takahashi on domingo, março 18, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.